RMB - Vivenciando as mudanças da vida. Vá agora para a nova RMB! rpgmakerbrasil.net!


    As Lembranças de Órum

    Compartilhe

    Link²
    Membro
    Membro

    Masculino Mensagens : 137
    Experiência : 1688
    Reputação : 11
    - : Nada :) - : nada :)

    RM 2K3 As Lembranças de Órum

    Mensagem por Link² em Ter Out 09, 2012 9:33 pm

    Essa é uma história que eu fiz com meu amigo que talvez acabe num rpg apesar de ser improvável. Por que improvável? Porque eu não tenho o programa em casa e não posso fazer muito, restando apenas o pc dele o qual não tenho acesso todos os dias, ou seja, ele está aprendendo algumas coisas e eu continuo na mesma coisa. Porém, a história tá sendo feita, ela é baseada em contos de fadas de um jeito mais sombrio e realista e contará com alguns personagens famosos.
    Bom, o prólogo não revela muito, foi escrito só pra divulgação mesmo. Pra falar a verdade, nem eu gosto muito do jeito q escrevi esse prólogo, mas posso garantir que está ficando bem legal apesar de ainda estar em formação.
    Taí, esperam que gostem:

    Spoiler:


    As Lembranças de Órum

    O Prólogo

    Era uma vez, o Eterno Império de Órum, um império abençoado pelo bem, comandada pelo Grande Rei Alex, um homem honrado e verdadeiro que com sua coragem, conquista a vitória com bravura e honestidade, sendo um homem admirado por muitos, e sua esposa, A Santa Rainha Karina, uma linda e graciosa mulher extremamente sábia e solidária, uma santa com toda a certeza. Desde muito tempo, esse império vem combatendo todo o mal que ameaça os continentes com seus sempre bravos e corajosos soldados e sua divina força pacificadora contida entre todos aqueles que seguem o império. Eles passaram por guerras, crises, mortes, perdas, lamentos, mas com honra, eles resistiram fortes e se saíram vitoriosos durante todas elas. Hoje, eles vivem em um estado de paz e festejam quase todos os dias pelas vitórias e historias. Até hoje.

    Esse grande rei tinha uma filha, a Bela Princesa de Órum perto de se tornar uma rainha, uma jovem garota chamada de Caroline. Graciosa e dedicada como sua mãe, forte e corajosa como seu pai, Caroline era uma garota de cabelos loiros e peles claras. Seus olhos lembravam a cor do oceano. Tímida e inocente, a garota de cabelos claros era uma pessoa honesta e extremamente bondosa, como uma pessoa que nunca fez algo errado na vida, uma pessoa pura, algo a se admirar. Sempre buscava fazer o bem às pessoas com seu jeito sempre tímido de ser, chegou a discutir com seu pai várias vezes para ajudar alguém ou um grande conjunto de pessoas. Apesar de tímida e inocente, Caroline era uma princesa que honesta, uma grande amiga, alguém com quem se pode apaixonar.

    Apesar do período pacifico, havia uma nação da qual já entrara em conflito várias vezes contra Órum, muitas vezes até tendo sua vantagem, guardava um grande segredo. Um plano que poderia destruir todo o mundo, talvez até o universo. Eles pretendiam acabar de vez com o Eterno Império e tomando posse, comandaria todo o planeta. Eles pretendiam raptar a bela princesa e ameaça-la até que o trono seja cedido. Um plano perfeito, infalível, não pelo plano em si, mas pelo que eles guardavam por baixo da manga. E foi isso que fizeram.
    Numa noite de bela noite de lua cheia, o rei acordara assustado, como se algo de importante houvesse acontecido. Ele se levantou preocupado e caminhou preguiçosamente até o quarto de sua filha para checar se tudo estava bem, porém, não estava. Ao chegar em seu quarto, ele avistou um sujeito de capa escura e uma mascara bizarra e assustadora agarrando a princesa em seus braços. Desesperado, Alex corre para deter o medonho homem , porém, ele era rápido, e pulou a janela com a princesa adormecida em seus braços. Ao olhar pela janela, Alex não consegue avistar o homem e sua filha, e acorda todo o Império para a batalha.

    Ele agrupou todos os espiões do império e os comandou para descobrir o mais rápido possível sobre aquele homem. Depois de algumas horas, um dos grupos de espiões voltou e proferiu o famoso nome da nação inimiga.

    - Minha alteza, lamento em dizer que a nação que raptou a Princesa Caroline não é nada mais, nada menos que... Os... Malignos!

    Os Malignos, a civilização mais repugnante do mundo, pessoas más que seguem sua crença diabólica ou seja lá qual seja o nome, sempre arranjaram problemas para o Império, mas essa foi a gota d’água, e então foi declarada a guerra. Grande parte dos soldados foram convocados, a maioria da classe alta. Eles foram com coragem, mas sua coragem foi engolida. Poucos dos soldados voltaram relativamente, e a maioria voltou com graves ferimentos, menos um deles, que voltara ao castelo com a bela princesa em seus braços desmaiada como uma pedra, e com sua camisa manchada de sangue. Bob era seu nome, um homem alto e forte do qual Caroline se sentia atraída a um grande tempo.

    Hoje eles festejam a vitória mais uma vez vencida, e lamentam pelo grande número de perdas, e então é declarado o casamento da bela Princesa Caroline com o cavalheiro que salvou sua vida, Bob. Ela se apaixonou e todos viveram felizes para... Sempre?

    Caroline acorda alguns dias depois sozinha e trancada no fedido cala-bolso do agora vazio castelo de Órum.

    Criticas? Sugestões? Duvidas? Fiquem a vontade.

      Data/hora atual: Sab Dez 10, 2016 10:41 am